Resumo semanal da novela Abismo de Paixão de 04-04 a 08-04-2016


Resumo da novela Abismo de Paixão de Segunda-feira, 04-04-2016 – Capítulo 006
Elisa diz para sua mãe que Damião estava muito triste porque seu pai havia dito que iria viajar por um longo período, e ele sentiu que jamais voltaria a vê-lo. Estefânia diz a Carmen que vai levá-la ao terminal de ônibus, pois só assim estará segura que ela não irá fugir com Rogério. Carmen tenta negar, mas acaba confessando que vai fugir com Rogério, pois ele é o único que pode dar tudo o que ela merece. Estefânia tenta convencê-la de que isso é um grande erro, pois vai destruir uma família e ela mesma. Carmen responde que vai encontrar a felicidade. Estefânia aproveita um descuido de Carmen e a tranca no quarto e pede a Elisa que não abra a porta sob nenhuma hipótese. Estefânia beija Elisa e sai. Enquanto Augusto sai para procurar Estefânia, Almerinda pergunta para Carmen porque ela está com as malas prontas e se por acaso ela pensava em ir com sua irmã e Rogério. Almerinda completa dizendo que sempre soube que Carmen era comparsa de sua irmã em seu caso com Rogério. Carmen responde que iria ir, pois depois que sua irmã abandonou seu marido e filha, ela não teria mais nada que fazer ali. Estefânia chega onde Rogério estava esperando Carmen e o diz que sua irmã não irá mais e que sua família não merece tal atitude dele. Rogério responde que sua vida ao lado de Almerinda é um inferno e ninguém o impedirá. Estefânia e Rogério voltam de carro para o povoado. Estefânia ainda tenta convencê-lo a não cometer essa loucura. Rogério perde o controle do carro, que capota várias vezes. Augusto chega e encontra o carro. Estefânia está agonizando, sem que ela consiga falar, acaba morrendo. Augusto diz a Almerinda que Estefânia e Rogério morreram em um acidente. Almerinda, histérica, culpa Estefânia pela morte de seu marido. Dolores diz a Elisa que sabe que ela vai sentir muita falta de sua mãe, mas que ela sempre estará a seu lado. Dolores diz a Carmen que tem dois homens dizendo que precisam de autorização para encaminhar o corpo de Estefânia. Carmen responde que ela se encarregará de tudo. Carmen escuta um tiro e acredita que Augusto se suicidou.

Resumo da novela Abismo de Paixão de Terça-feira, 05-04-2016 – Capítulo 007
Augusto chora e diz para Carmen que é um covarde, pois não tem nem a coragem de acabar de uma vez por todas com todo seu sofrimento. Augusto chora e diz que Estefânia era tudo para ele, mas que ela não pensou em ninguém ao traí-lo com seu melhor amigo. O homem grita e diz que não poderá viver sem ela. Carmen diz a Augusto que sua vida vale muito e ela o ajudará a esquecer Estefânia. Carmen diz que farão o velório de Estefânia em sua casa, mas Augusto a diz que não quer mais ver Estefânia ali. Branca se zanga porque Carmen diz para dois oficiais que levem o corpo de Estefânia direto para o cemitério, sem que ao menos seja a ofertada uma missa de corpo presente. Branca enfrenta Carmen e a diz que nem ela e muito menos Augusto estão em condições de decidir nada. Lucio diz ao Padre Guadalupe que é ilógico que a casa de Augusto esteja cheia de gente, enquanto na igreja só estão presentes poucas pessoas. Almerinda grita com Damião, dizendo que jamais permitirá que ele volte a se aproximar da filha da assassina de seu pai, o Padre Guadalupe pede que ela se cale e que tudo que ocorreu foi um acidente. Lucio diz a Augusto que entende sua dor, mas que ele não pode ficar trancado, pois Elisa o necessita mais que tudo. Augusto responde que não pode sequer vê-la, pois se o fizer vai dizer que sua mãe os traiu e os abandonou para fugir com outro homem, Lucio responde que ele não deve fazer isso, pois certamente existe alguma outra explicação para o que ocorreu, pois Estefânia nunca escondeu o grande amor que tinha por ele. Lucio diz a Carmen que, curiosamente, ela iria viajar no mesmo momento em que ocorreu o acidente entre Estefânia e Rogério e afirma que não acredita que ela não tenha nenhum tipo de relação com o ocorrido. Ramiro diz a Carmen que para ela foi muito conveniente que sua irmã estivesse no carro de Rogério, mas que quando o povoado descobrir que era para ela estar lá, certamente vai pagar muito caro por esse engano, pois o correto e nobre seria limpar o nome de Estefânia. Ramona diz ao Padre Guadalupe que Estefânia não estava fugindo com Rogério, como todos pensam, e que depois do acidente, se aproximou do carro e Estefânia conseguiu sussurrar: “Tinha que impedi-los”. Betânia insinua para Almerinda que Augusto, cego de ciúmes, pode ter sido quem provocou o acidente que vitimou seu esposo. O Doutor Edmundo diz a Carmen que ela está grávida e ela o pede que guarde segredo. Augusto diz para Carmen que ela fez bem em cuidar do enterro de Estefânia, mas entre eles não mudará e que ela já pode ir embora de sua casa. Carmen se ficar poderia lhe dar filhos, já que certamente com a “safadeza” de Estefânia, Elisa nem deve ser sua filha. Augusto, fora de si, diz que não quer mais ver Carmen em sua casa. Almerinda diz a Damião que não quer que ele brinque com a filha da assassina de seu pai. Damião chora e diz que Elisa não tem culpa de nada e acusa Almerinda. Almerinda o esbofeteia. Dolores e Elisa se surpreendem quando Carmen, muito sorridente, diz que ela e Augusto vão ao registro civil, pois irão se casar. O Juiz diz que não é comum que um homem se case com a irmã de sua falecida esposa.

Resumo da novela Abismo de Paixão de Quarta-feira, 06-04-2016 – Capítulo 008
Augusto diz ao Juiz que se ele não aceitar fazer o casamento, irá a outro local para que o façam, o Juiz então responde que legalmente não existe nenhum impedimento. O Padre Lupe diz a Carmen que quer saber os recursos que ela usou para convencer Augusto a se casar. Carmen responde que talvez tenha sido Deus quem fez o favor de eliminar Estefânia para que ela pudesse ser feliz ao lado do homem que sempre amou. O Padre garante que ela jamais será feliz senão limpar a reputação de Estefânia, que era uma boa mulher. Elisa e Damião decidem fugir de suas respectivas casas. Carmen tenta seduzir Augusto, mas ele a rejeita. Almerinda grita com Elisa e a insulta, dizendo que certamente foi ela quem convenceu seu filho a que fugissem. Augusto aparece e tira Almerinda aos empurrões de sua casa. Damião e Elisa estão escondidos. Ramiro ameaça Paloma para que ela o diga onde estão Damião e Elisa, ele os encontra e os entrega a seus pais. Almerinda abraça Damião e furiosa, esbofeteia Elisa. O Padre Lupe sai em defesa de Elisa e exige que Almerinda deixe a garota em paz, pois é somente uma menina. Almerinda diz a Damião que irá mandá-lo para estudar no exterior, para que assim jamais volte a ver Elisa. Damião grita a sua mãe que jamais a perdoará por ter maltratado Elisa. Ramona pergunta a Paloma porque ela está com o braço machucado, ela responde que Ramiro o apertou muito forte para obrigá-la a dizer onde estavam Damião e Elisa, Ramona pede que a neta jamais volte a esconder as coisas dela. O Padre Lupe pede a Augusto que não seja tão duro com Elisa. Augusto pergunta ao padre se ele tem provas da inocência de Estefânia ou se ela o disse algo em confissão. O padre diz que segredos de confissão são invioláveis, mas que tem fé que algum dia a verdade virá a tona. Dolores diz a Carmen que é muito estranho que se realmente Estefânia iria fugir com Rogério, não tinha pensado em levar nenhuma roupa. Carmen a responde que sua irmã fugiu sem levar suas roupas, pois não precisava delas, tendo em vista que Rogério era um homem muito rico e a daria tudo novo, mas que ela levou todas as suas joias. Almerinda, como pagamento a Ramiro por ele ter a devolvido Damião, despede Lucio, e nomeia Ramiro como novo administrador de sua empresa. Dolores diz a Carmen que se, como ela diz, Estefânia levou suas joias, como é que ela as viu com ela, porque o colar que Carmen usa, ela viu muitas vezes em Estefânia. Carmen, zangada, diz que seu pai a deu um idêntico ao que era de Estefânia, Dolores responde que tudo ainda a soa muito estranho. Passam-se vários meses e a gravidez de Carmen já está bem avançada, Augusto a diz que a acompanhará ao médico, mas ela responde que não é necessário. Ramiro pede a Carmen a casa que Rogério colocou em seu nome em troca de não dizer a Augusto que o filho que ela espera não é dele, Carmen o adverte que se ele dizer algo, o matará. Carmen corre até Elisa para agredi-la, mas acaba caindo na piscina.

Resumo da novela Abismo de Paixão de Quinta-feira, 07-04-2016 – Capítulo 009
Dolores diz a Augusto que Carmen foi quem tropeçou e caiu na piscina, portanto Elisa não tem culpa. Edmundo diz a Augusto que ele é pai de um menino que está muito bem, porém Carmen precisará ser operada com urgência e não poderá mais ter filhos. Sedada, Carmen começa a delirar e dizer que seu filho é de Rogério. Furioso, Augusto a sacode para que ela esclareça o que está dizendo. Bráulio diz a Dolores que está pensando em deixar o trabalho na processadora e ir atrás de outras oportunidades. Ele quer que ela o acompanhe, mas para isso eles precisam estar casados. Dolores pede um tempo para pensar. Augusto pede que Edmundo confirme se realmente seu filho não corre perigo, pois pelas suas contas a criança nasceu prematuramente, tendo em vista que ele e Carmen ainda não têm nem nove meses de casados. Edmundo se surpreende. Carmen, muito feliz, diz a Augusto que o bebê é igualzinho a ele, e agora só falta eles “encomendarem” uma menina. Augusto responde que ele já tem Elisa. Carmen responde que ela não é sua filha, mas de Rogério. Carmen vai ao banheiro acompanhada de Branca. Elisa observa o bebê e, neste momento, entra uma enfermeira que se dá conta que o recém-nascido não respira. Carmen grita que Elisa machucou seu bebê. Carmen diz a Augusto que Elisa matou seu filho e que só teve a criança prematuramente porque Elisa a empurrou. Dolores diz a Bráulio que aceita se casar com ele, mas quer seguir trabalhando para Augusto, pois é muito apegada a Elisa. Augusto pergunta a Elisa o que ela fez ao bebê e o motivo de ter empurrado Carmen. Branca ouve e diz a Augusto que é incrível que ele acredite cegamente em Carmen e em suas calúnias. Almerinda diz a Carmen que Deus a está castigando. Carmen responde que não importa sua opinião, pois ela ainda é jovem e poderá ter quantos filhos quiser. Almerinda caçoa dela e pergunta se ainda não lhe contaram que ela ficou estéril. Ramiro diz a Augusto que ele não deveria chorar por perder o bebê de Carmen, pois ele não era o pai da criança. Augusto se zanga e o questiona quem então seria o pai da criança. Ramiro recomenda que ele pergunte a sua esposa ou ao Padre. Augusto procura Carmen e diz que Ramiro garantiu que o bebê morto não era seu filho. Carmen diz a Augusto que seguramente Almerinda mandou Ramiro dizer lhe essa mentira porque odeia todos de sua família. Ele a responde que quando ela estava internada, entrou em delírio e disse que o pai de seu filho era Rogério. Carmen diz a Augusto que ele está buscando uma desculpa para se desfazer dela, agora que sabe que ela não poderá mais lhe dar filhos. Ramiro engana Antonia pedindo-lhe que seja sua namorada e, futuramente, sua esposa. Eles passam a noite juntos e Ramiro a diz que jamais se casará com uma mulher que se mete na cama com qualquer um. Almerinda despede Antonia, pois a viu com Ramiro e não quer ter pessoas imorais em sua casa. Antonia suplica que não a demita, pois não tem nem para onde ir. Ela pede a patroa que a ajude a obrigar Ramiro a se casar com ela. Almerinda responde que ela ficará melhor sozinha do que com um imprestável como Ramiro, Almerinda acaba perdoando Antonia, mas a faz jurar que daquele dia em diante vai se comportar como uma mulher honesta e ficará em dívida com ela para o resto da vida.

Resumo da novela Abismo de Paixão de Sexta-feira, 08-04-2016 – Capítulo 010
Carmen, furiosa, ameaça Ramiro com uma arma por ele tê-la delatado a Augusto. Ramiro toma a arma e a avisa que essa foi a primeira e última vez que ela o ameaça, pois da próxima ele a matará. Augusto diz a Carmen que ela se comporta como se não tivesse marido. Ela responde que tem vontade de matar Ramiro, pois por sua culpa ele não confia mais nela. Carmen pede ao Doutor que, se caso Augusto pergunte, ele negue que ela estava grávida antes do casamento. Dolores vê Bráulio abraçado a outra mulher e, furiosa, diz a ele que o compromisso que mantinham está acabado. Augusto diz a Almerinda que sabe que ela foi quem mandou dizerem que o filho que Carmen teve não era seu. Ramiro fala diante de Malu que no momento que quiser, se casa com Almerinda, pois todas as mulheres são tontas. Almerinda escuta, se apresenta, e pergunta como ele pode imaginar que alguém como ela poderia ficar com um peão como ele. Almerinda despede Ramiro. Ramiro se humilha e pede que ela não o demita. Almerinda, então, ordena a Ramiro que queime a plantação de Augusto. Dolores diz a Bráulio que não vai se casar com ele porque concluiu que não o ama. Passam-se anos e Elisa se transforma em uma linda jovem, assim como Paloma e Gael. Elisa, Gael e Paloma se tornam belos jovens. Gael tenta convencer Augusto a cultivar nas terras que eram de Estefânia. Ele se nega, pois diz que essas terras agora são de Elisa. Elisa diz a Carmen que vai levar flores ao tumulo de sua mãe, porque é aniversário de sua morte. Carmen a responde que com simples flores não apagará o que fez. Paloma diz a Elisa que mesmo sua tia sempre a culpando pela morte de seu irmãozinho, o que ocorreu foi uma fatalidade. Mesmo com o passar dos anos, Augusto nunca conseguiu esquecer Estefânia, e Carmen percebendo isso, não se cansa de brigar com o agora esposo. Gael diz ao Padre Lupe que não entende porque Augusto está se permitindo cair quanto a seus assuntos econômicos. Padre o responde que ele jamais conseguiu se recuperar do que considerou ser a maior das traições, e Carmen não o apoia como fazia Estefânia. Carmen tenta fazer com que Ramiro convença Almerinda a voltar a comprar os produtos de sua empresa. Vicente incomoda Elisa e Gael o agride, e adverte que isso ocorrerá com qualquer um que se meta com Elisa. Carmen, furiosa, diz a Augusto que está cansada de sua mediocridade. Augusto a pede que vá embora, Carmen responde que isso é o que ele quer, pois como ela não serve mais, ele quer descartá-la como um móvel velho. Ela o diz que está estéril por culpa de Elisa, e é dela que ele deveria se livrar. O Padre Lupe diz a Almerinda que por uma bobagem afastou seu filho de seu amor durante sua infância e adolescência. Almerinda o responde que foi um sacrifício necessário, mas que houve uma recompensa. Damião volta ao povoado e Elisa se surpreende ao vê-lo.

Divulgação: SBT

Inscreva-se em nosso canal no Youtube!
loading...