Resumo da novela Vidas em Jogo de segunda-feira 31-10-2016


Resumo da novela Vidas em Jogo de segunda-feira, dia 31/10/2016, capítulo 31 – Durante uma pausa nas compras, Jaqueline vai comprar um sorvete e vê Ernesto. Ele foge, mas a menina o segue e alcança. Jaqueline ameaça e diz que se ele não se afastar, contará tudo para Severino. Bujuca, o menino que assaltou Grace na praia, vê sua amiga na TV, falando sobre o sequestro e fica admirado ao saber que ela ficou milionária. A polícia entra no hotel com cautela. Floriano olha o relógio e vê que acabou o prazo. Ele aponta a arma para Patrícia, mas Carlos se põe na frente. O bandido engatilha a arma e quando vai atirar, a polícia entra. Começa um tiroteio. Um policial é atingido e sua arma cai perto de Carlos. Zé pega a pistola e a entrega para seu dono. Carlos atira no peito de Mariano, que cai morto. A polícia rende Floriano. A situação se acalma. Alguns vão saindo e um policial para Carlos, admirado, e diz pensar que ele ainda estava preso. Carlos e o policial ainda falam sobre a prisão, quando Rita aparece e ouve a conversa. O dono de Zé desconversa e pede que ela vá para o quarto. O oficial libera a dançarina, mas leva Carlos para a delegacia. A polícia não deixa que ninguém entre no hotel.
 

Divina, Marizete e Margarida chegam das compras e não entendem a confusão. Francisco e os outros amigos resumem a história, mas acalmam a todas. Fátima e Edmilson assistem ao desfecho da situação no hotel pela TV.
 

A megera afirma que o assalto foi uma coisa boa, para espanto de seu marido. Ela diz que seu pai merecia sofrer mais, já que decidiu morar em sua casa. 

Carlos presta depoimento na delegacia. O delegado provoca Carlos, relembrando seu passado como ex-policial. Patrícia pede à sua mãe que se afaste um pouco, para que possa viver tranquila com Francisco. Patrícia sugere que Francisco tente esquecer o que sua mãe fez no passado.

Divulgação: TV Record

Inscreva-se em nosso canal no Youtube!
loading...

Deixe uma resposta