Chiquititas Novelas do SBT Terça-feira

Resumo da novela Chiquititas de terça-feira, dia 08/08/2017

Escrito por MarinaHeringer

Resumo da novela Chiquititas de terça-feira, dia 08/08/2017, capítulo 236 – Bel agradece a ajuda que Rafa lhe ofereceu, mas diz que é melhor deixar Janjão e Tatu levarem sua bicicleta. Rafa vai embora. Os dois meninos dizem que Bel precisa parar de falar com a “Baleia Órfã” e com as demais Chiquititas. Bel não concorda, mas também não diz nada. JP diz para Renata que amou o texto que recebeu. Renata se aproveita da situação e diz que foi ela quem escreveu. JP fica surpreso e aconselha sua namorada a inscrever o texto no concurso literário que a mãe dele, Linda, está promovendo. O texto foi na verdade escrito por Mili e enviado de maneira anônima por Cris para JP. Cris vê na internet informações sobre o concurso literário e aconselha Mili a inscrever seu texto. Mili diz que não, pois a mãe de JP é a organizadora do concurso e lhe trata de maneira ríspida. Clarita conta para Érica que ainda não está namorando Francis, pois ele é tão romântico que não toma iniciativa nem para beijá-la. Maria Cecília está preocupada com o desaparecimento de Tobias. Eduarda chama Shirley Santana para conversarem. Eduarda conta para a amiga como conheceu seu ex-marido, Oscar, e que agora que estão próximos várias coisas que ela sentia estão voltando. Na mansão dos Almeida Campos, começa a leitura do testamento de José Ricardo para Junior e Carmen. Miguel, que está na mansão escondido, escuta tudo. Existe algo pré-combinado entre Carmen e o advogado de José Ricardo. Janu e André passam em frente ao orfanato. Pata, escondida, molha a menina com a mangueira. Janu entra no orfanato e exige saber quem a molhou. Pata aparece, finge não ter sido a responsável e ri muito da menina encrenqueira. O falso testamento é lido e o Orfanato Raio de Luz e quase toda a herança ficam para Carmen. O Café Boutique para Junior, que não entende o testamento. Todos contam para Carol como se sentem com as maldades ditas por Janu. Miguel acha que José Ricardo é frio e que não teve coragem de assumir sua neta nem após a morte. Miguel passa a pensar que Carmen talvez tenha planejado tudo sobre o testamento com o advogado. Cris revela que inscreveu a história de Mili no concurso literário sem a permissão dela e que inventou um outro nome para evitar dela ser barrada: Açucena. O lugar onde Junior ficou refém na Amazônia foi desfeito e os criminosos presos. Junior leva Simão, que também era refém e o ajudou a fugir do cativeiro, para passa uma temporada na mansão dos Almeida Campos. Na escola, Janu cola chiclete no cabelo de Pata sem que ela perceba. Janu e Pata brigam e puxam os cabelos uma da outra. A professora aparece, Janu corre e Pata é comunicada que ficará de castigo com André, que chegou no momento em que Janu correu. Mais tarde, Carmen avisa todos do orfanato que é a proprietária do Raio de Luz e que por isso voltará ser a diretora do local. A mãe de JP lê os textos inscritos no concurso e nota que o texto de Mili (que está com outro nome) é o mesmo que Renata diz ter escrito. O representante de um cartório, doutor Mendes, vai ao orfanato e revela que José Ricardo deixou uma carta assinada e registrada com o nome de quem deveria assumir a direção do orfanato após sua morte. Para desespero de Carmen, atual dona do local, Carol é anunciada nova diretora. As chiquititas vibram e Carol se emociona.

Divulgação: SBT

Inscreva-se em nosso canal no Youtube!
loading...

Sobre o autor

MarinaHeringer

Deixe um Comentário

script src="//cdn.pushnews.eu/push/ilabspush.min.js" async>